domingo, 22 de julho de 2007

Pós-prazer

Já me adianto, delete esse vago pensamento imundo e concentre-se no fato, "prazer é tudo que te satisfaz" .. e porque te satisfaz? porque supre uma necessidade. Mas porquê? Por que você tem saudade da sensação, aquela que te leva ao extase, ao delírio. Seria um copo de coca-cola gelado com limão? Uma cerveja polar em plena sexta-feira! Isso te despertou não é? E se eu te falasse de "uma noite de amor muito bem curtida"? Você diria o quê? o importante é o prazer, ou pós-prazer. Imagino que o mais óbvio seria pensar no prazer, como objetivo único. Mas o "depois" não importa? como fica a ressaca moral (dependendo do que fores fazer). Esse é um texto hetero, no entanto os coadjuvante imaginários devem ter pênis e vagina. Posso dizer por experiência própria que seria de bom agrado tentar relacionar o pós-prazer com o prazer instantâneo, mas como seria possível? Transcorrer os dias de trás pra frente seria loucura, quem sabe tentar aceitar? Afinal trago à tona algo que não se controla, e depois de uma noite/momento bem acompanhado colocamos na balança dos valores: foi bom ou não, quero replay ou não.. digo de ante-mão que após um prazer, o bom seria outro prazer. Mas e se outro prazer não fosse possível (digo nas mesmas proporções como ambiente/cia)? O jeito é relaxar e gozar (como diria nossa formadora de opiniões, Marta Suplicy). Afinal aqui você não encontrará a solução que tanto deseja. O que eu faço? ..simples procuro mais prazer enquanto há tempo, pois sei que em pouco tempo vou sentir a falta do pós, e o que se pode fazer? nada..espere essa dia chegar! E beba muita coca-cola!!!!!!!!!!

3 comentários:

Peter disse...

ahn?

Cláudia disse...

Satisfação, acredito que essa é a palavra que mais almejamos ter em nossa vida, sentir e vive-la é a melhor coisa que tem.
O pós prazer só é mais uma preocupação do vicio, que obtemos com a satisfação nos fornecida pelo prazer das coisas que desejamos.
Poucas coisas se consegue medir na balança dos valores, pois o que podemos usar de parametro para a satisfação do prazer ?
Eu desconheço, pois não podemos usar tristezas e infelicidades para contrapor coisas boas.

Peter disse...

cláudia: quem ser você?

 
Copyright 2010 pago bem!