domingo, 7 de março de 2010

O Auto-Apego

Texto de Sangye Gompa, o que eu queria escrever, vale pelo menos refletir sobre o desafio que ele propõe, o desapego. Atribua todas as culpas à única fonte;Contemple a grande bondade de todos os seres.Desde um tempo sem início temos falhado em reconhecer nossos inimigos e distinguir entre o que deve ser abandonado e o que deve ser adotado. Assim, todas as nossas tentativas de praticar o Dharma se tornaram esforços do auto-apego. E assim temos errado.Temos falhado em chegar o mínimo que seja mais perto da liberação e onisciência, desenvolvendo alguma familiaridade anterior. Então, hoje, devemos reconhecer o que é nosso inimigo e o que é amigo. Como fazemos isso? Não há nada a fazer exceto encarar nosso próprio ego como o inimigo e abandoná-lo, ver os seres sencientes como amigos e cuidar deles. Isso, encarar o auto-apego como o inimigo, é apresentado na linha "Atribua todas as culpas à única fonte".Então, quaisquer eventos indesejáveis que ocorrerem, não jogue a culpa nos outros. Não seja como o ermitão que sem ninguém por perto, ao espirrar seus preparos por ferver demais, amaldiçoa: "Isso é obra de demônios malignos!".Atualmente, tendemos a culpar outros fatores sempre que algo indesejável cai sobre nós, dizendo por exemplo que um local é mal assombrado, que fomos vítimas de espíritos, que desagradamos os guias espirituais e por aí vai. Isso é um erro. Você deve, em vez disso, reconhecer seu próprio auto-apego como o alvo para onde direcionar toda culpa. Foi dito: Com base na fixação no eu,Surge a percepção de eu e outro;Dessa divisão surge apego e ódio,E, através desse encadeamento, todas as consequências negativas.Já que, como declarado aí, todas as falhas e consequências negativas se originam desse auto-apego, se você vivenciar calamidades causadas pelo ambiente ou pelos seres, se você sofrer o desagrado de entidades excelentes como os budas ou protetores do Dharma, se você tiver infortúnios causados por seres sofrendo como mendigos ou por multidões de seres sencientes, se você for prejudicado por piolhos ou elementos do corpo como prana, bile, fleuma e tudo mais, reconheça que a raiz de tudo isso é o auto-apego.Sangye Gompa (Tibete, ano 1179 - 1250)"Explicação pública sobre o treinamento da mente""Mind Training"

1 comentários:

Peter disse...

É o último (e mais difícil) passo para a iluminação...

 
Copyright 2010 pago bem!