terça-feira, 15 de junho de 2010

Tamanho ou qualidade?

Nessa longa estrada da vida, já ouvi de tudo. O que importa é o tamanho? O modo como cabe na mão? Para muitas, o que vale é a sensação de quando se coloca na boca, ou até mesmo de se admirar, somente. Para outras, a qualidade é importante para contar vantagem, uma sobre as outras.
 

Para nós homens, confessamos que de nossa parte sempre há o interesse de prover o melhor, porém a pulga atrás da orelha, perdura! “Elas preferem tamanho ou qualidade?”

Muito seguro de mim, sempre achei que haviam dois grupos, as que prefeririam o ápice do comprimento, e as sensíveis, que se incomodavam com tamanhos extras, atendo-se a qualidade, e basta!

Uma vez comentei com uma amiga sobre sua real intenção após 23 anos de procura, uma busca incessante pelo ideal. Sabem o que ela respondeu? “Prefiro quantidade deles!”

CARACA! Surgiria um novo grupo? Surgiria um nicho vago para as amantes da diversidade? Deixei-a de lado e foquei na dúvida que originou esse post. No que me concentro? Ofereço qualidade ou tamanho? Cruel dúvida.






Ainda focado nos grupos, o das que preferem o tamanho ramificam-se em exageradas e conservadoras, já o outro grupo divide-se em: textura e o modo como fecham os dedos. Entender o pensamento das mulheres não é tão fácil como escolher uma cerveja, existem variáveis que podem eliminar candidatos quando se fala em namorado ideal.

E se eu não me enquadrar no perfil? E se eu oferecer tamanho e ela preferir qualidade? E se eu ofertar qualidade quando o que enche os olhos é a superfície? Realmente a dúvida é mais cruel ainda.

Devo resolver o tamanho? Devo melhorar a qualidade? Unir os dois funciona? Lembre-se: quem tem dois, tem nenhum...

O dia dos namorados deve ter sido cruel para boa parte dos apaixonados.

Fico a pensar sobre quantas dúvidas foram geradas na cabeça dos homens inseguros que ainda preocupam-se com isso, com a parcela dos homens que projeta na mulher o sucesso de uma relação, ou até mesmo do grupo masculino citado acima, o grupo daqueles que escolheram comprar um mero BATOM para suas amadas.

E agora, rosa ou marrom?
 
Pago bem pela tua escolha...

12 comentários:

Peter disse...

Vermelho. Daquele que deixa marca no colarinho.

Mauriane disse...

fiquei pensando no meu caso...
e agora... teria surgido mais um grupo, os da que não preferem nenhum desses quesitos, nem tamanho, tampouco qualidade...
õ.õ
aquela que acha a boca pequena demais para usar qualquer um dos dois...
õ.õ
o que vocês homens podem pensar de uma mulher como eu?
mas meu namorado encontrou uma alternativa viável: perfume!
não teve erro, já que a namorada dele não usa batom...
hehehe

Mauriane disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mi disse...

Qualidade!!! Mas estou no grupo da Mauriane também... mesmo assim uso =P

Anônimo disse...

Juro que meu enfoque foimeio pornografico com o texto betinho....hahaha

P.D: Sweet

Beto disse...

Meus textos tem o mais puro reflexo de uma alma inocente...

...

Peter disse...

Betinho, qual tu prefere (alma inocente...)?

Beto disse...

Prefiro qualidade! ou tu acha que coloco qualquer objeto cilíndrico na boca?

Peter disse...

Resposta sincera?

Anônimo disse...

hahahaah

Estaria Betinho sendo sincero???


Duvida cruel...

Sweet

Anônimo disse...

Que coisa doida isto! Bem, de qualquer forma, eu estou tranquilo! Posso prover os dois. Atingi a forma ideal.
Hamilton

Peter disse...

hahahaha

 
Copyright 2010 pago bem!